Abrir empresa é uma coisa bem mais comum hoje em dia: cada vez mais gente decide transformar em trabalho o seu dom ou o seu hobby. Inclusive, a abertura de empresa é vista como uma forma de fugir da condição de proletariado e ganhar independência, tornando-se patrão em vez de empregado.

Tudo isso faz com que a dúvida “como abrir uma empresa” seja uma coisa compartilhada por muita gente e é preciso se preparar: criar CNPJ não é tão fácil, assim como registrar a empresa nos órgãos responsáveis.

Na realidade, mesmo quando se trata de abrir microempresa, os trâmites confundem muito e, quando se erra na documentação, o resultado pode ser a interdição da empresa e a aplicação de uma multa, o que é uma péssima forma de começar um negócio.

Por isso, quem busca informações sobre como abrir uma empresa vai descobrir que a única forma de fazer isso sem complicação é procurando a ajuda de um contador profissional. Inclusive, porque ele terá condições de orientar a escolha do sistema tributário.

Tipos de tributos para quem vai abrir um negócio

Os tributos são os impostos que o governo federal vai cobrar de cada empresa. De acordo com o tipo de negócio aberto, é possível escolher alguns sistemas de tributação mais brandos, que diminuem a perda de lucro, mas que têm o ponto contra de limitar o desenvolvimento da empresa.

Antes de pensar em como fazer CNPJ, por exemplo, é indicado planejar bem como será nesse empreendimento e decidir-se por um sistema tributário, até mesmo para que isso seja informado à Receita Federal.

O Simples Nacional, por exemplo, pode ter cobrança de até 22,45% dos empreendedores, tendo por base os seus ganhos. Se o desejo é saber como abrir uma microempresa, é interessante entender bem o Simples Nacional porque essa é uma das tributações mais comuns nesses casos.

Também é possível basear o negócio no sistema de Lucro Presumido: se for assim, a empresa terá de pagar à Receita Federal 15% do seu imposto de renda para pessoa jurídica. No entanto, para abrir CNPJ para uma empresa de Lucro Presumido, é importante que se tenha base para lucrar R$ 48.000.000 por ano ou menos que isso.

O Microempreendedor Individual (MEI) pode ser a salvação para quem precisa saber como abrir uma empresa, mas sem gastar demais com imposto. Para os negócios encaixados nesse sistema de tributação, é cobrado somente R$ 50 por mês;

Por fim, quem pergunta como fazer CNPJ pode se basear também no sistema de Lucro Real, que é recomendado para quem ganha R$ 48.000.000 ou mais a cada ano.

Como ter um CNPJ

A abertura de um CNPJ passa pela Receita Federal e o link para que qualquer tipo de empresa registre esse documento está aqui. Contudo, uma dica para quem está tentando descobrir como abrir uma empresa individual é procurar um contador e especificar a ele como será a empresa a ser aberta, as condições financeiras e outros.

Leia mais no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top