Aprenda como importar da China

Com o desemprego, muitas pessoas vêm procurando alternativas para ganhar dinheiro. Uma das mais populares e se tornar um revendedor de produtos importados, sendo que o principal país procurado atualmente é a China. 

Sites  

Existem muitos sites para comprar e importar produtos chineses. É preciso pesquisar e avaliar qual deles é o mais adequado para isso, para que não perca dinheiro.

O AliExpress é dos sites de vendas chinês mais populares com os brasileiros. Por isso, pode ser considerado um dos mais seguros e confiáveis do mercado para importação de produtos chineses. A variedade de produtos é grande, com preços mais atrativos que outros concorrentes.

Ele conta com um ótimo recurso de proteção ao cliente, em que se algo der o seu dinheiro é devolvido para que seus clientes não saiam no prejuízo. A plataforma de vendas é para que outros fornecedores e vendedores vendam produtos podendo encontrar o mesmo produto no site com diferentes preços.

Frete

Há diferentes tipos de fretes para importação da China, basta escolher o que mais se encaixa dentro do investimento, com o código de rastreamento. Normalmente, as plataformas de vendas chinesas fazem o reembolso do produto no caso de problemas, com o seguro extra de se proteger.

Em algumas vezes, a opção de frete pago é a melhor mesmo com a opção grátis para chegar mais rápido e maior segurança. É muito importante avaliar de acordo com o valor, mas, também, com a vulnerabilidade do produto para se decidir se vale a pena pagar a mais.

Alguns dos fretes que são mais frequentemente usados na importação de produtos da China são: o frete courier, o fedex, o simples, China post, Singapore post, Hong Kong post, Sweden post e E.M.S Express.

Produtos para revender

O custo de mercadorias do exterior é bem menor do que comprar no Brasil, para mão de obra, tributação e percentual de lucro dos fabricantes. Isso faz com que as vendas aumentam, porque o capital investido é menor e a margem de lucratividade, por isso é importante você saber como importar da china para que faça sempre da maneira correta.

A escolha do fornecedor é fundamental na hora de importar produtos para revender, porque é ele que cuidará do estoque. O recomendado é que o fornecedor envie um estoque regular do produto para não ficar sem mercadorias para revender.

Assim, antes de começar a importar uma grande quantidade de produtos, é necessário analisar cuidadosamente o fornecedor, com uma amostra do produto para definir sua qualidade, para diminuir as chances de comprar algo sem quantidade.

Começar com a revenda

A melhor opção para quem quer começar o negócio de vendas de produtos importados é montar um site para revender os produtos, para não precisar de um investimento maior ou custos adicionais.

Além de um site, a revenda pode ocorrer no Facebook e em grupos, conseguindo clientes fixos e regulares, assim que os lucros forem surgindo, será possível fazer um investimento em uma loja física.

Transporte

Algumas empresas de transporte e entregas oferecem acordos para importar produtos regularmente, por meio de um pagamento mensal com dinheiro que foi recebido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *